Saúde

Como saber se o cachorro está com febre? 6 pontos importantes

Como saber se o cachorro está com febre é uma questão que muitos donos de animais de estimação se perguntam. Afinal, nossos amigos peludos não podem nos dizer quando estão se sentindo mal.

A febre é um sinal comum de que algo não está certo no organismo do seu cão. Pode ser uma resposta a uma infecção, inflamação ou outras condições médicas.

Neste artigo, exploraremos os sinais de febre em cães, como medir a temperatura do seu cão e quando procurar ajuda veterinária. Também discutiremos algumas das causas comuns de febre em cães e como você pode ajudar a prevenir essas condições.

Então, se você está preocupado com a saúde do seu cão, continue lendo. Este artigo é para você.

1. Sinais de febre em cães

Comportamento anormal: O primeiro sinal de que seu cão pode estar com febre é uma mudança no comportamento. Ele pode parecer mais lento ou mais sonolento do que o normal, ou pode parecer inquieto ou ansioso.

Mudanças na temperatura corporal: A temperatura corporal normal de um cão é geralmente entre 38 e 39,2 grau. Se a temperatura do seu cão estiver acima deste intervalo, ele pode estar com febre.

Sintomas adicionais: Além do comportamento anormal e da temperatura corporal elevada, outros sintomas podem incluir perda de apetite, tremores, nariz seco e quente, e aumento da frequência cardíaca.

Lembre-se, cada cão é único e pode apresentar sintomas diferentes. Se você suspeita que seu cão está com febre, é melhor procurar aconselhamento veterinário.

2. Como medir a temperatura do cachorro

Métodos de medição: Medir a temperatura do seu cão é uma habilidade importante para todos os donos de cães. O método mais preciso é usar um termômetro retal. Embora possa parecer desconfortável, é a maneira mais precisa de obter uma leitura da temperatura interna do seu cão.

Outra opção é um termômetro de ouvido, o qual é menos invasivo, mas pode não ser tão preciso.

Cuidados e segurança: Ao medir a temperatura do seu cão, é importante garantir que ele esteja calmo e confortável. Se você estiver usando um termômetro retal, use lubrificante para facilitar a inserção. Nunca force o termômetro se o seu cão parecer desconfortável.

Se você estiver usando um termômetro de ouvido, certifique-se de que ele esteja limpo e insira-o suavemente no ouvido do seu cão.

Definitivamente, se você não se sentir confortável em medir a temperatura do seu cão ou se estiver preocupado com a saúde dele, sempre procure aconselhamento veterinário. Eles são treinados para lidar com essas situações e podem fornecer o cuidado que o seu cão precisa.

3. O que causa febre em cachorro?

Infecções: Uma das causas mais comuns de febre em cães são as infecções. Isso pode incluir infecções bacterianas, virais ou fúngicas. As infecções podem ocorrer em qualquer parte do corpo do cão, incluindo a pele, o trato urinário, os pulmões e o trato gastrointestinal.

Reações a medicamentos: Assim como os humanos, os cães também podem ter reações adversas a certos medicamentos, o que pode resultar em febre. Se você notar que seu cão está com febre após iniciar um novo medicamento, é importante entrar em contato com seu veterinário imediatamente.

Exposição a ambientes extremos: A exposição a temperaturas extremas, seja calor ou frio, também pode causar febre em cães. Por exemplo, um cão deixado no carro em um dia quente pode sofrer de insolação, o que pode levar a uma febre perigosa.

Acima de tudo, se o seu cão está com febre, é crucial procurar atendimento veterinário para determinar a causa e iniciar o tratamento adequado. A febre é um sinal de que algo não está certo e não deve ser ignorada.

4. Quando procurar ajuda veterinária

Gravidade dos sintomas: A gravidade dos sintomas é um fator importante a considerar ao decidir quando procurar ajuda veterinária. Se o seu cão está apresentando sintomas graves, como vômitos, diarreia, falta de apetite ou letargia, é importante procurar atendimento veterinário imediatamente.

Tempo de duração da febre: A duração da febre também é um indicador importante. Se a febre do seu cão persistir por mais de 24 horas, é essencial procurar atendimento veterinário. Mesmo uma febre leve pode ser um sinal de uma condição subjacente séria se persistir por um longo tempo.

Lembre-se, a saúde e o bem-estar do seu cão são de extrema importância. Se você está em dúvida sobre a condição do seu cão, é melhor errar pelo lado da cautela e procurar aconselhamento veterinário.

Afinal, é importante notar que este artigo é destinado a fornecer informações gerais sobre como saber se o cachorro está com febre. Desse modo, não substitui o conselho profissional de um veterinário. Se o seu cão está doente, por favor, procure atendimento veterinário.

5. Tratamento e cuidados em casa

Mantendo o cão confortável: Se o seu cão está com febre, é importante mantê-lo o mais confortável possível. Isso pode incluir proporcionar um lugar tranquilo e confortável para descansar, e evitar atividades físicas extenuantes.

Hidratação adequada: A hidratação é crucial quando o seu cão está com febre. Certifique-se de que ele tem acesso constante a água fresca e limpa. Ainda assim, se o seu cão não está bebendo o suficiente, você pode tentar incentivá-lo oferecendo cubos de gelo ou caldo de carne sem sal.

Alimentação e nutrição: A alimentação adequada também é importante. Se o seu cão não está comendo, tente oferecer alimentos que ele normalmente gosta. No entanto, evite mudar drasticamente a dieta do seu cão sem a orientação de um veterinário.

Lembre-se, enquanto alguns cuidados em casa podem ajudar a aliviar o desconforto do seu cão, é importante procurar atendimento veterinário se o seu cão está com febre. Eles podem fornecer o tratamento adequado e ajudar a identificar a causa subjacente da febre.

6. Prevenção de febre em cães

Vacinação regular: Antes de mais nada, a vacinação regular é uma das melhores maneiras de prevenir a febre e outras doenças em cães. As vacinas protegem seu cão contra uma variedade de doenças que podem causar febre, incluindo parvovírus, cinomose e raiva, por exemplo.

Ambiente limpo e seguro: Manter um ambiente limpo e seguro para o seu cão também é crucial para prevenir a febre. Isso inclui manter o local onde seu cão dorme limpo, garantir que ele tenha acesso à água limpa e evitar a exposição a temperaturas extremas.

Exames veterinários periódicos: Os exames veterinários periódicos são outra parte importante da prevenção de febre em cães. Durante um exame, o veterinário pode verificar sinais de doença e fornecer tratamento precoce se necessário.

Lembre-se, a prevenção é sempre a melhor cura. Ao seguir estas dicas, você pode ajudar a manter seu cão saudável e livre de febre.

Considerações finais de como saber se o cachorro está com febre

Em resumo, saber se o cachorro está com febre é uma habilidade essencial para todos os donos de cães. A febre pode ser um sinal de várias condições de saúde, e é importante saber reconhecer os sinais e sintomas.

Aprendemos que mudanças no comportamento, temperatura corporal elevada e outros sintomas podem indicar febre. Também discutimos como medir a temperatura do seu cão e quando procurar ajuda veterinária.

Além disso, exploramos algumas das causas comuns de febre em cães, bem como medidas preventivas, como vacinação regular, manutenção de um ambiente limpo e seguro, e exames veterinários periódicos.

Por fim, lembre-se de que, embora este artigo forneça informações gerais sobre como saber se o cachorro está com febre, ele não substitui o conselho profissional de um veterinário. Se você suspeita que seu cão está doente, sempre procure atendimento veterinário.

Perguntas frequentes:

Pode dar dipirona para o cachorro?

Sim, é possível dar dipirona para cachorros, mas a dosagem deve ser ajustada conforme o peso, idade e condições de saúde do animal. A dosagem é geralmente de uma gota por quilograma de peso do cachorro, com um limite de 35 gotas. No entanto, é importante lembrar que a dipirona é apenas um analgésico e não trata a doença em si, portanto, é importante buscar a recomendação de um veterinário antes de administrar o medicamento.

Quando a barriga do cachorro está quente o que pode ser?

Se seu cão estiver molinho e muito quente ao pegar, está provavelmente com febre. Isso se deve ao fato de que suas orelhas e abdômen não são tão quentes. Além disso, o tremor do animal pode indicar febre já muito alta.

Miguel Oliveira

Sou Miguel Oliveira, o apaixonado por cães por trás deste blog. O site Só Cachorro nasceu do meu desejo de compartilhar conhecimentos e experiências acumuladas ao longo de muitos anos cuidando, educando e convivendo com cachorros de todas as raças e tamanhos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *